VOCÊ SABE O QUE É NUTRIÇÃO ESPECIALIZADA?

Nutrição especializada são alimentos especialmente formulados, nos quais se introduzem modificações no conteúdo de nutrientes, que são adequados à utilização em dietas diferenciadas e ou opcionais, atendendo às necessidades nutricionais de pessoas em condições metabólicas e fisiológicas específicas.

Em muitos casos, o objetivo é complementar a dieta para obter maiores benefícios no organismo. Normalmente eles são consumidos quando nossa dieta diária não atende a todas as nossas necessidades nutricionais, seja para manter o nosso ritmo do dia a dia ou no processo de recuperação após doença ou trauma.  1,2


 

Proteínas, carboidratos, gorduras, vitaminas e minerais são essenciais para ajudar a manter nosso corpo saudável, por isso é importante que façam parte de nossa dieta, que deve incluir alimentos como frutas e legumes, carnes magras e peixes, pois contêm todos os nutrientes que precisamos.

É importante que, antes de consumir uma Nutrição Especializada, consulte seu médico para indicar qual deles melhor se adequa às suas necessidades nutricionais. Normalmente, eles são seguros, desde que não se abuse da ingestão de grandes quantidades causando efeitos colaterais.

Sempre informe-se bem, descubra o alimento ou produto que você está pensando em consumir e discuta as diferentes opções com seu médico; não há nada melhor do que ter certeza de que o produto que vamos consumir é de uma fonte confiável.

Caso seu médico indique a inclusão de Nutrição Especializada é essencial e importante que você siga todas as instruções e recomendações passadas por ele para o seu Plano Alimentar.

Se você tem mais de 40 anos, além de manter uma alimentação saudável, poderá complementar sua dieta com um suplemento alimentar. Consulte seu médico ou nutricionista.

Referências:

1.  BAUER, J., BIOLO, G., CEDERHOLM, T., CESARI, M., CRUZ-JENTOFT, A.J., MORLEY, J.E., PHILLIPS, S., SIEBER, C., STEHLE, P., TETA, D., VISVANATHAN, R., VOLPI, E., BOIRIE, Y. Evidence-based recommendations for optimal dietary protein intake in older people: a position paper from the PROT-AGE Study Group. J Am Med Dir Assoc, vol. 14, p. 542-559, 2013.

2. VOLKERT, D, et. Al. ESPEN guideline on clinical nutrition and hydration in geriatrics. Clinical Nutrition 1-38. 2018

3. Guia alimentar para a população Brasileira. Ministério da saúde secretaria de atenção à saúde departamento de atenção Básica. 2a. ed. 2014.

MELHORE SUA
VITALIDADE, FORÇA
E ATIVIDADE

Entradas de Blog

perda-de-massa-muscular-thumbnails

Perda de massa muscular: evite a sarcopenia

Sarcopenia pode parecer uma palavra estranha a muita gente, mas é fácil entender seu significado.

proteinas-saludables-thumbnails

Saiba como a ingestão de proteínas contribui para o envelhecimento saudável

Pouca gente sabe, mas as proteínas representam o principal componente estrutural e funcional de todas as células do organismo.

nutricion-saludable-thumbnails

Boa nutrição assegura saúde muscular e ameniza a perda de funcionalidades

O fortalecimento da massa muscular melhora a autonomia, independência e qualidade de vida na maturidade.